Personalize Suas Preferência!

Escolhe a cidade que você deseja como página padrão do site. Você pode mudar a qualquer momento suas preferência.

buscar
 

  • Região:Cianorte Noroeste     31-01-2019

Objetivo da Prefeitura é garantir o atendimento adequado dos pacientes que procuram pelos serviços, bem como de seus familiares

A Secretaria Municipal de Saúde de Cianorte, por meio da Divisão de Saúde Mental, promove nesta quarta e quinta-feira (30 e 31), no auditório da Santa Casa, uma capacitação de matriciamento com médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, psicólogos, assistentes sociais e recepcionistas que atuam na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e nos hospitais Santa Casa e São Paulo. O objetivo é articular os profissionais para que tomem ações efetivas durante a abordagem do paciente com transtorno mental, bem como da sua família, conforme as orientações da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS).

 “Estamos atendendo uma demanda apresentada pelos serviços de urgência e emergência locais, que, a cada ano, têm recebido mais casos psiquiátricos”, justifica a chefe da Divisão, Thaise Dantas. “Fortalecendo e orientando as equipes multidisciplinares que abordam esses pacientes, muitas vezes com casos de alta complexidade ou de urgência, estamos contribuindo para um melhor atendimento e para o fortalecimento da Rede”, conclui. No total, 50 profissionais, divididos em duas turmas, passam pelo matriciamento, que nada mais é do que a construção coletiva do processo terapêutico.

Entre os assuntos tratados, estão a reforma psiquiátrica; a estruturação da Rede de Atenção Psicossocial; transtornos mentais no adulto, na criança e no adolescente; a abordagem familiar; estudo de caso com fluxograma e comunicação de atendimento. “Fizemos questão também de dar ênfase no funcionamento da RAPS e como cada órgão deve estar articulado para prestar o atendimento”, finaliza Thaíse. Os responsáveis por compartilhar o conteúdo foram os profissionais do CAPS de Cianorte.

 


Compartilhe com os amigos!

Deixe seu comentário