Personalize Suas Preferência!

Escolhe a cidade que você deseja como página padrão do site. Você pode mudar a qualquer momento suas preferência.

buscar
 

  •   João Polippo
  • Região:São Tomé Noroeste     13-07-2016

A lei que obriga farol baixo de dia, ao circular em rodovias entrou em vigor na ultima sexta-feira (08)

Mais de 15 mil motoristas descuidados já foram multados por não cumprirem a regra. O descumprimento é considerado infração média, com 4 pontos na carteira de habilitação e multa de R$ 85,13, que passará para 130,16 em novembro próximo.

 

Em três dias o governo já tinha arrecadado mais de 300 mil reais em multas.

O que muitos motoristas podem não saber ou ter alguma dúvida é sobre o uso do farol baixo dentro das cidades.

 

No geral não é obrigatório, porem em municípios que são cortados por rodovias, como é o caso de São Tomé e Japurá, o uso do farol é indispensável.

 Em São Tomé, o uso do farol baixo acesso é obrigatório na Avenida José Madureira (PR 498) ao passa pela avenida central, os motoristas devem ficar atentos, pois segundo a policia rodoviária federal (PRF) apenas cruzar, de um lado para o outro, a avenida com farol apagado é considerado infração.

O mesmo caso ocorre em Japurá onde a Avenida Doná Guiomar Gaspar Batista (PR498) corta  a cidade.

 

Em Maringá, diversos motoristas já foram multados trafegando na Avenida Colombo e contorno norte sem o uso do farol baixo.

 

Lembrando que a multa e feita pelo visual, não sendo necessário parar o condutor, basta anotar o numero da placa.

 

De acordo com o inspetor Pedro Faria, a PRF concorda e está otimista com a medida porque poderá contribuir com a redução de acidentes nas rodovias. "Há estudos que apontam que um veículo com o farol baixo ligado pode ser visto a uma distancia de  até 3 quilômetros", explica.

 

Uma estimativa da Policia Rodoviária Estadual (PRE) aponta que o farol baixo aumenta em 64% a possibilidade de ser visto por um veículo em sentido contrário. “É uma ação simples que aumenta a atenção dos demais motoristas para a vida, o problema é que a falta de atenção é considerada o principal motivo de acidentes nas rodovias do Paraná", explica o diretor-geral do Detran-PR, Marcos Traad.

 

A lei do farol foi criada pelo deputado feral Rubens Bueno e sancionada no inicio do mês pelo presidente em exercício Michel Temer.

 

Então fica a dica, se for circular com veículo em PR ou BR use farol acesso, pois a possibilidade de levar varias multas no mesmo dia é grande.

Farol acesso e acesso mesmo!

 

 


Compartilhe com os amigos!

Deixe seu comentário